quarta-feira, 13 de junho de 2007

Falso choque astronômico cria alerta na web

Texto tirado do site Mundo da Astronomia:

Asteróide Pallas poderá se chocar com a Terra em 2007.

"Astrônomos amadores descobriram que o asteróide 2-Pallas teve sua órbita alterada e segundo os últimos cálculos está em rota de colisão com a Terra. Os principais centros espaciais do mundo ainda não se pronunciaram, mas já existe uma grande mobilização na comunidade científica e militar. O impacto poderá trazer grandes conseqüências, levando em conta a extensão do asteróide, considerada a segunda maior do cinturão que vai de Marte a Júpiter.

O 2-Pallas mede 558×526x532 km e caso a informação seja confirmada trará mudanças sem precedentes na existência humana na Terra. A colisão deverá acontecer na primeira quinzena de julho de 2007. Logo, deveremos ter novas notícias das autoridades competentes, que por enquanto evitam comentar o fato para não gerar um descontrole generalizado na população mundial."

O site Observatório de Asteróides, que divulgou esta informação bombástica (e falsa), está registrado sob o nome da Peugeot-Citroën do Brasil Automóveis. Faz sentido, já que a Citroën prepara para a primeira quinzena de julho o lançamento no Brasil do modelo C4 Pallas.

Esse tipo de campanha -- também chamada de marketing viral -- tem como objetivo fazer com que os próprios internautas repassem as informações para seus contatos da web, aumentando a atenção sobre um determinado produto ou acontecimento, como no caso do asteróide. Uma alternativa que facilita muito a propagação dessas campanhas é a ferramenta “enviar por e-mail”, já que muitos dos visitantes da página clicam nesse ícone para repassar a informação, criando assim uma corrente.

No mundo real, não há a menor chance de que o 2 Pallas venha a colidir com a Terra. Sua localização longínqua, no cinturão de asteróides entre Marte e Júpiter, torna muito difícil que algum cataclismo o desvie para a nossa vizinhança. Para se ter uma idéia, o asteróide está a 415 milhões de quilômetros do Sol, enquanto a Terra está a “apenas” 150 milhões de quilômetros dessa estrela.

Muitos internautas tentaram, sem sucesso, entrar no comentado site Observatório de Asteróides nas últimas horas. Segundo o Banco de Eventos, empresa responsável por essa página que faz parte de uma campanha de marketing da Citröen, o “sumiço” do site faz parte da campanha, que entrará em uma nova fase. De acordo com a agência de comunicação, que classifica a campanha como um sucesso, a página com a falsa notícia teve 80 mil acessos durante as 12 horas em que ficou no ar, entre domingo (10) e segunda-feira (11).

[+1 Leia Mais]

[+2 Leia Mais]

[+3 Leia Mais]

(Fonte: G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário que em breve receberá resposta.