sábado, 14 de julho de 2007

- Notícia do dia -



Eita! Leia mais aqui.


Vaiado, Lula deixa estádio sem abrir Pan

Em uma festa em que tudo parecia
em sintonia para celebrar os Jogos Pan-Americanos do Rio, a principal autoridade no Maracanã experimentou um de seus maiores dissabores em público. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acabou vaiado todas as vezes em que apareceu no telão ou teve seu nome anunciado. Em quebra de protocolo, Lula não fez o pronunciamento de abertura.

Desde a primeira edição, em Buenos Aires (1951), a honra é dos chefes de Estado. Embora Lula estivesse com o texto e o microfone à mão na tribuna de honra e tenha sido anunciado pelo presidente da Organização Esportiva Pan-Americana, o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Arthur Nuzman, se antecipou: – Em nome de todos, declaro abertos os Jogos Pan-Americanos do Rio

(Fonte: ZH)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário que em breve receberá resposta.